02.12.2019

Braquiária híbrida da Barenbrug apresenta maior produtividade, qualidade e alto potencial para a pecuária leiteira

Braquiária híbrida da Barenbrug apresenta maior produtividade, qualidade e alto potencial para a pecuária leiteira

O planejamento de produção do alimento volumoso de qualidade é de fundamental importância para o sucesso produtivo e financeiro da pecuária leiteira. Isto, pois no Brasil, a produção de leite ocorre diariamente durante o ano todo, diferente de outros países onde há concentração da produção em uma determinada época do ano, em que o clima favorece a maior produção de alimento.

Nas últimas décadas, a pecuária leiteira brasileira vem apresentando grandes avanços em todos os sistemas de produção, seja em pastejo, semiconfinamento ou confinamento.

Em qualquer sistema de produção que analisarmos, a nutrição será de grande impacto e é onde normalmente estão os maiores custos variados.

Dentro da nutrição, o volumoso é um ingrediente indispensável. Diversos benefícios funcionais ligados à forrageira são procurados por produtores e técnicos, tais como: enraizamento profundo para maior tolerância aos períodos de seca, resistência a pragas, alta resposta a adubação, elevada produção de matéria seca/ha, baixa FDN, alta digestibilidade da FDN e alta aceitabilidade.

Pensando neste desafio, a Barenbrug do Brasil disponibiliza no mercado a Brachiaria híbrida cv. Mulato II, que apresenta benefícios que vão ao encontro destas necessidades.

O Mulato II é o híbrido de braquiária mais estudado do Brasil. Os primeiros relatos datam de 2008, fazendo dele uma das forragens com maior segurança quanto ao que se pode esperar de resposta produtiva.

Quando pensamos em nutrição de vacas leiteiras, a forrageira apresenta composição bromatológica muito atrativa e mostra significativo potencial de produzir mais leite com a mesma quantidade de volumoso.

Na tabela a seguir apresenta-se informações de análise bromatológica do Mulato II cortado a 45 cm do solo até a altura de resíduo (20 cm do solo), em área não irrigada.

Indicador

Valor

Matéria Seca

23,6%

PB

14,7%

FDN

58,6%

dFDN

45,0%

Fonte: 3RLab

Além da excelente qualidade, o híbrido Mulato II apresentou maior produtividade na comparação com forrageiras consagradas no mercado, como a Marandu e o Tifton 85. 

Na tabela seguinte, mostra-se o acúmulo anual de forragem do Mulato II, Marandu e Tifton 85, colhidas a cada 28 ou 42 dias durante dois anos, em Piracicaba/SP, em toneladas/ha/ano.

Cultivar

28 d

42 d

 Mulato II

17,9a‡

20,2a

 Marandu

17,8a

16,3b

 Tifton

18,7a

17,9b

 


“O Mulato II é um híbrido de alta qualidade e que pode ser utilizado em diversas formas. É um material que agrega muito à nutrição dos animais, proporciona maior produtividade e melhor qualidade de leite produzido a pasto, com maior teor de sólidos”, explica Paulo Gallo, supervisor de vendas da Barenbrug.

As forrageiras híbridas possuem resultados superiores comprovados e compõem uma nova realidade no mercado de forrageiras tropicais.

A Barenbrug reforça o compromisso de ofertar forrageiras híbridas e soluções que atendam às necessidades do produtor rural, contribuindo para incrementar a produtividade animal e a rentabilidade da pecuária.

Sobre a Barenbrug Brasil

A Barenbrug do Brasil é uma empresa do Royal Barenbrug Group, com mais de cem anos de vida, pioneira e líder mundial no segmento de sementes forrageiras. É especializada no melhoramento genético, na produção e no tratamento de sementes. Desenvolve tecnologias inovadoras para manejo de pastagem e, por meio do programa de melhoramento genético e de sua rede de distribuição, oferece cultivares superiores ao setor agropecuário, adaptadas e com alto potencial de conversão em produto animal. A empresa foi fundada na Holanda em 1904 e possui 27 filiais presentes em todos os continentes – especializadas também no melhoramento genético e na produção de sementes para gramados e forrageiras – o que a torna uma das maiores companhias do setor no mundo. No Brasil desde 2012, a Barenbrug é a única empresa privada especializada em melhoramento genético de forrageiras tropicais. Para mais informações, visite www.barenbrug.com.br.

Postado por Alfapress Comunicações | 0 comentários
Marcadores: Barenbrug

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carregando...