21.02.2018

Mais de 600 foliões recebem atendimento osteopático no Sambódromo de São Paulo

Mais de 600 foliões recebem atendimento osteopático no Sambódromo de São Paulo

Parceria entre a Liga SP e a Escuela de Osteopatía de Madrid Brasil levou osteopatia para o público nos dois primeiros dias de desfile
 

A Escuela de Osteopatía de Madrid (EOM Brasil) levou, em uma ação inédita, atendimento osteopático gratuito para o carnaval de São Paulo. Cerca de 50 profissionais realizaram o atendimento de mais de 600 pessoas no Sambódromo do Anhembi, nos dois primeiros dias de desfile. A ação resultou de uma parceria entre a Liga das Escolas de Samba de São Paulo e a EOM Brasil, e contou com alunos fisioterapeutas em formação em Osteopatia de diferentes estados do país. “A nossa intenção com esta ação é a de popularizar a Osteopatia no Brasil. Participar de uma festa popular como o Carnaval de São Paulo nos traz uma satisfação e uma emoção muito grandes”, afirmou o diretor da Escuela de Osteopatía de Madrid Brasil, Rogério Queiroz.

 
O Diretor da EOM Brasil, Rogério Queiroz, atende um passista no Sambódromo do Anhembi

Durantes os atendimentos, foliões e passistas de diversas escolas de samba receberam atendimento antes de entrar na avenida. “Muitas pessoas chegaram com dores decorrentes dos ensaios pré-carnaval e nós buscamos contribuir para que eles tivessem um desfile melhor.”, acrescentou Rogério. 
 
As queixas mais comuns entre os passistas atendidos foram principalmente dores nas costas de diversas magnitudes; além de dores nos pés, joelhos e pernas. Foram atendidos passistas de diferentes perfis: idosas da ala das baianas, jovens, gestantes e uma grande quantidade de pessoas com necessidades especiais que desfilaram utilizando cadeiras de rodas, muletas ou bengalas. “Sentir essa energia dos passistas que superam qualquer dor ou obstáculo para estar na avenida e poder, desta forma, participar um pouquinho do desfile foi muito gratificante para todos os profissionais da EOM Brasil”, concluiu Rogério.

A parceria inédita disponibilizou dois pontos de atendimento no Anhembi. As manipulações foram realizadas por alunos da EOM Brasil, com a supervisão de professores da escola. A EOM Brasil é a maior rede de escolas de Osteopatia do mundo e essa especialidade tem crescido graças à procura por atletas, esportistas, portadores de dores crônicas e outras disfunções.  

Sobre a EOM
A Escuela de Osteopatía de Madrid (EOM) é um grupo espanhol, com sede em Madrid. Está presente em 22 países, com 80 unidades e só no Brasil conta com 20 unidades e sede em Campinas, oferecendo capacitação e especialização em osteopatia para fisioterapeutas graduados, com duração de cinco anos e aulas teóricas, práticas e 500 horas de práticas clínicas supervisionadas.  Outras Informações: http://www.osteopatiamadrid.com.br
 
Informações para a imprensa:
 
Juliano Amorim
Consultor de Comunicação
(19) 2136.3502/(19) 98297.4415
juliano.amorim@alfapress.com.br
 
Letícia Feix
Coordenadora de Comunicação
19-2136-3519 / 19-9-9606-1516
www.alfapress.com.br 

Postado por Alfapress Comunicações | 0 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carregando...